12- A Leitura da Bíblia

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

12- A Leitura da Bíblia

Mensagem  Admin em Sex Jan 18, 2008 7:50 am

A Leitura da Bíblia

Em seu livro Be Still and Know (Aquietai-vos e sabei), Millie Stamm conta a história de um famoso ator que fora homenageado em um banquete. Após o jantar, um dos convidados, um pastor idoso, pediu-lhe que recitasse o Salmo 23. O Ator disse que o faria com prazer, desde que aquele senhor fizessse o mesmo. Pôs-se de pé e recitou o salmo de maneira magistral, cativando a atenção da platéia. Em seguida, o ministro declamou o texto. Quando terminou, todos os ouvintes estavam com os olhos marejados. Fez-se um momento de silêncio e o ator disse:

"Minhas palavras agradaram a seus ouvidos, mas esse homem tocou-lhes o coração. Eu conheço o salmo, mas ele conhece o Pastor."

Muitas pessoas têm uma atitude semelhantes à daquele ator. Lêem a Bíblia como se fora apenas uma bela obra da literatura. Já outras, como o ministro, têm uma percepção mais profunda; vêem-na como a Palavra de Deus.


Última edição por em Sex Fev 01, 2008 10:33 am, editado 3 vez(es)

Admin
Admin

Mensagens : 132
Data de inscrição : 17/01/2008

Ver perfil do usuário http://manualdafecrista.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 12- A Leitura da Bíblia

Mensagem  Admin em Sab Jan 19, 2008 9:36 am

Atitudes Básicas

Vejamos alguns pontos que devemos levar em consideração ao ler a Bíblia.

*Primeiro, é preciso manter a mente "aberta". Não podemos ter um espírito de incredulidade. Devemos desejar "ouvir" a voz de Deus através das Escrituras. Anselmo, Arcebispo de Canterbury, no século XVII, disse certa vez: "Tenho fé para que possa entender o que leio". Infelizmente as pessoas, de uma maneira geral, mostram-se demasiadamente céticas e exigem o contrário: "Convença-me e irei crer".

*Segundo, a Bíblia é um relato contínuo que vai de Gênesis a Apocalipse, e não textos separados e desconexos. Devemos nos preocupar em compreender a mensagem de salvação presente nas Escrituras em vez de querer desmembrar e analisar as muitas partes que a compõe.

*Terceiro, não devemos desanimar ou nos sentir frustrados quando encontramos passagens que desafiem nosso entendimento ou nossa fé. Certa vez, alguém perguntou a William Booth, fundador do Exército de Salvação, o que ele fazia quando encontrava algo na Bíblia que não entendia. Ele respondeu: "Ajo como se comesse um peixe: separo os ossos na borda do prato e como a carne".


Última edição por em Seg Jan 21, 2008 6:19 am, editado 2 vez(es)

Admin
Admin

Mensagens : 132
Data de inscrição : 17/01/2008

Ver perfil do usuário http://manualdafecrista.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 12- A Leitura da Bíblia

Mensagem  Admin em Sab Jan 19, 2008 11:14 am

Princípios Para Interpretação da Bíblia

1- Devemos entender o texto no seu sentido básico. Há pessoas que enfatizam demais a natureza divina das Escrituras e se perdem ao analisar cada palavra literalmente. Já outras dão muito crédito à participação humana na autoria da Bíblia e a lêem como se fora uma coletânea de histórias, poemas e lendas religiosas

2- Na Bíblia há formas literárias diferentes. Nela encontramos afirmações de fé ("No príncipio, criou Deus..."), relatos históricos ("No segundo ano do rei..."), profecias ("Assim diz o Senhor..."), cartas ("Paulo, apóstolo de CristoJesus..."), etc... Devemos interpretá-la de acordo com padrões adequados a cada forma. Metáforas e antropomorfismos como, por exemplo, árvores "baterão palmas" (Is 55:12) são obviamente linguagem figurada e devem se entendidas como tal. Da mesma maneira, é necessário prestarmos atenção ao contexto de cada trecho e até mesmo o a significado das palavras, pois, às vezes, têm mais de um sentido.

3- Por último, a Bíblia é auto-explicativa. Isso significa que o Novo Testamento é a "interpretação" do Antigo. Quando, por exemplo, Jesus declarou puros todos os alimentos(Mc7:19), ele, automaticamente, cancelou os preceitos da lei que faziam distinção entre os alimentos puros e impuros (Lv 11). Da mesma forma, devemos interpretar passagens "duvidosas" à luz de outras que sejam claras, e textos parciais e incompletos, com base naqueles que apresentam mais detalhes. Além disso, é preciso solucionar qualquer contradição de textos bíblicos, fazendo prevalecer a regra da maioria. Se um versículo contradiz dois ou três outros, seguiremos o princípio da maioria. Um exemplo é a explanação de Paulo sobre o papael da mulher, que é, evidentemente, mais positiva do que negativa


Última edição por em Sab Jan 19, 2008 11:54 am, editado 1 vez(es)

Admin
Admin

Mensagens : 132
Data de inscrição : 17/01/2008

Ver perfil do usuário http://manualdafecrista.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: 12- A Leitura da Bíblia

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum